Pormenores – Balões e Quimioterapia


IMGP5828

A história da Mãe Borboleta é uma história que trata, especialmente, de uma das fases do tratamento do cancro -a mais difícil para mim…

…Quimioterapia!

Desde o dia 19 de fevereiro de 2015 passei a ter contato com os químicos mais tóxicos aos quais já tive acesso!

A quimioterapia ‘matou-me’ por dentro, trazendo com esta chacina de células, todos os sintomas horripilantes que eu senti…e nem assim, meio gente meio planta, eu deixei de agradecer ao universo, a cada uma das pessoas que descobriram aquelas fórmulas mágicas que são capazes de matar aquilo que me desejou matar…

O Plano que a Dra. Margarida tinha para mim era assim:

duas baterias de químicos – quatro doses cada bateria…

Batizei a primeira bateria de ‘Vermelhinhas’ e a segunda de ‘Branquinhas’. (alusivos às cores dos líquidos).

A cada três semanas lá ia eu tomar a minha poção mágica, cuidadosamente ‘preparada’ pela minha Fada Dra. Margarida! 🙂

As vermelhinhas quando chegavam no meu organismo eu sentia como se fosse um tsunami…arrasava tudo o que via pela frente – sem pudor!

As branquinhas eram mais amenas, mas não menos dolorosas…arrasaram com meus ossos e articulações…sentia-me uma jovem senhora nos seus frescos 95 aninhos 😛 …e se lá chegar, já sei as sensações que sentirei com os meus ossos e ‘dobraduras’ cansados da guerra 🙂

 

Toda esta ‘aventura química’ não podia ficar de fora da ilustração, e tentando trazer leveza para um momento tão pesado, lembrei-me da surpresa que a minha amiga Joana fez quando quis comemorar comigo a segunda dose já tomada… Trouxe-me seis balões de hélio, entrou sala adentro, vaporosa e sorridente, dizendo: ‘Só Faltam SEIS!!!’ 😀

Só Faltam 6!

Esta página é uma singela homenagem a esta minha grande amiga, que sempre esteve ao meu lado, vibrante, positiva, presente!!! Ela me conhece como poucos, sabe do meu espírito festeiro 🙂 Adoro festa! Adoro balões! Adoro balões de hélio!

Adoro-os! 😀

Pareço criança com balões destes nas mãos!

Pareceu-me bem representar na ilustração este momento tão docinho de amizade!

E foi assim que representei as doses que me salvaram a vida…Balões amorosos, vermelhos e brancos!

Uma lagarta verde, gorda, farta…cheia de sintomas…mas feliz…leve como os balões de hélio que a fazem voar 😉

IMGP5829

 

Anúncios

3 thoughts on “Pormenores – Balões e Quimioterapia

Gostou? Comenta ;)

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s